Press "Enter" to skip to content

Know-how faz a diferença

Luis Eduardo Galli 0

Olá,

Quando vemos empresas estrangeiras atuando em diversos segmentos de nosso País, começamos a dar conta da importância do investimento em educação e capacitação da nossa mão de obra. Frases como “a educação é o alicerce do crescimento” começam a fazer mais sentido quando vemos marcas como Uber, Uber Eats, entre outras, crescendo exponencialmente suas vendas e mexendo com a estrutura de emprego e renda do nosso País e tudo isso à distância, pela internet, através de um aplicativo estrangeiro, e de um celular, também estrangeiro. Compare o volume de receita que vai para a empresa detentora do aplicativo, vendendo mundialmente, e do motorista que faz as corridas.

Pense que cada corrida feita pelo Uber ou cada serviço em nuvem que contratamos de fora leva um recurso que poderia ter ficado dentro do País. Será que a solução então é parar de consumir soluções “de fora”? Não é esse o ponto, pois a globalização, que começou há algumas décadas, não tende a recuar e sim ampliar o comércio de bens e serviços entre os países. A grande questão é: Qual será a fatia do Brasil? O que temos para entregar ao mundo? Seremos eternos consumidores de tecnologia?

E qual a diferença de um país que exporta tecnologia e de outro que mais consome do que gera tecnologia? A resposta é Know-how!

Know-how é um termo em inglês que significa literalmente “saber como”. Know-how é o conjunto de conhecimentos práticos (fórmulas secretas, informações, tecnologias, técnicas, procedimentos, etc.) adquiridos por uma empresa ou um profissional, que traz para si vantagens competitivas.

Dominar o conhecimento, saber executar, enfim saber como fazer fará toda a diferença em todas as áreas de comércio. Sabemos que existem muitas empresas brasileiras que têm sucesso no mercado internacional, exportando bens e serviços e isso é um sinal que nós podemos mais!

O primeiro ponto é acreditarmos em nós, ter consciência que podemos sim ser um País que além de turismo, minério, pecuária e agricultura possa também ser protagonista nas evoluções tecnológicas.

Precisamos agir em conjunto através de políticas públicas com investimentos sérios em educação, gestores de empresas e colaboradores comprometidos, para assim, aumentar mais nossa abrangência mundial e com isso sustentar o emprego dentro do nosso País, caso contrário, ficaremos assistindo outros países crescerem e fornecerem serviços e produtos nos tornando cada vez mais consumidores.

Nós que estamos inseridos na área de educação e capacitação temos um papel importante nesse processo, cada aluno de sua escola é uma semente plantada para o futuro, para que se tornem ótimos profissionais que vão dar sustentação para a geração de emprego e renda. Por isso, enfrente o que deve ser enfrentado, busque conhecimento, persista, faça acontecer, pois seu trabalho irá impactar e dar sustentação para uma novo cenário de crescimento do Brasil.

É um longo caminho, mas todo longo caminho começa com um primeiro passo, nosso Brasil precisa de nós!

Abraços e sucesso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *